Precisamos falar de Mercado de Arte

Uma série de oito lives abordará o tema, com a participação de convidados e mediação do coordenador da Galeria Ecarta, André Venzon. Os diálogos pretendem mostrar como funciona o mercado da arte frente ao aumento do interesse por obras diversificadas num setor que movimenta cerca de R$ 208 bilhões por ano no mundo.

 

LIVE 1 | 17 de maio de 2021, 19h

Felipe Bernardes Caldas é doutor em Artes Visuais (2018) com ênfase em História, Teoria e Crítica da Arte pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais (PPGAV),do Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), com a tese intitulada: Vende-se Artistas: A Dimensão Econômica da Crítica a partir da Arte Brasileira. Mestre em Artes Visuais (2013) pelo mesmo programa de pós-graduação; Bacharel em Artes Visuais (2011); e Licenciado em Educação Artística (2009) pela mesma universidade. Possui atuação como artista visual tendo realizado exposições individuais no Santander Cultural em Porto Alegre (2015), Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MAC-RS), 2017, entre outros espaços. Tem participado de diversas exposições coletivas em variadas instituições em território nacional. Membro da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas (ANPAP). Foi professor substituto na Universidade Federal de Pelotas (UFPel) em duas ocasiões, no ano de 2014 e entre 2018 e 2019. Desde de 2019 compõem o Comitê de Curadoria e Acervo do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul (MAC-RS).

local 

Facebook da Fundação Ecarta e Galeria Ecarta e na nesse endereço na plataforma Zoom http://bit.ly/mercadodearte_ecarta


apoio
Clava Prego e Sinpro/RS