Fala

É uma exposição reação. Manifesta a incredulidade, a inquietação, a tristeza, a falência, o descontentamento, a impotência, o lamento, a raiva, a ira – e mesmo uma certa incompreensão – frente à crise política e institucional que coloca em cheque a democracia no Brasil. Fala é uma exposição política. E de esquerda, seja lá o que isso quer dizer nos dias de hoje. Ou pelo menos no sentido da defesa de uma sociedade sempre mais justa, mais livre, mais igualitária.
Todos os envolvidos na realização desta mostra acreditam em coisas parecidas, acreditam sobretudo na potência da arte como um meio de expressão absolutamente capaz de nos aproximar, de nos estimular a seguir confiando nas pessoas e duvidando do mundo, um meio através do qual todos podem manifestar suas reflexões e sentimentos da forma que quiserem. Fala quer dizer muitas coisas. Todas essas coisas são ditas através das obras dos artistas.

Artistas
Amanda Copstein
Carla Borba
Carla Zaccagnini
Fernanda Gassen
Guilherme Teixeira
Gustavo Diehl
Leticia Bertagna
Luiz Roque
Michel Zozimo
Romy Pocztaruk
Telmo Lanes
Traplev
Viviane Pasqual

trilha sonora
Leo Felipe

curadoria
Gabriela Motta e Fernanda Albuquerque

inauguração
5 de maio de 2017, 19h

visitação
Até 17 de junho, de terça a sexta-feira, das 10h às 19h; sábado, das 10h às 20h; e domingo, das 10h às 18h. Entrada franca

local
Galeria Ecarta (Av. João Pessoa, 943 – Porto Alegre)